Amor/Relacionamentos ( Por que está tudo errado )

O que é o Amor ?

Definição do Dicionário: substantivo masculino.

Forte afeição por outra pessoa, nascida de laços de consanguinidade ou de relações sociais.

Atração baseada no desejo sexual.

 

Aqui eu vou falar somente sobre amor e atração entre pessoas que tem a pretensão de uma relação a dois.

Amor (do latim amore) é uma emoção ou sentimento que leva uma pessoa a desejar o bem a outra pessoa ou a uma coisa. O uso do vocábulo, contudo, lhe empresta outros tantos significados, tal como  na filosofia e nas ciências humanas. O amor possui um mecanismo biológico que é determinado pelo sistema límbico, centro das emoções, presente somente em mamíferos e talvez também nas aves, a tal ponto que Carl Sagan afirmou que o amor parece ser uma invenção dos mamíferos.

Ok, isso é o amor, agora vamos contextualizar as relações atuais e me diga se existe alguma semelhança com a sua, isso mesmo, essas frases te lembram alguma coisa ? :  “você tem que …”. “Porque você precisa ser assim para mim…”, “você precisa fazer isso para mim…”, “porque se não for assim comigo…”, “quem está junto tem que…”, “compromisso é…”, vixi, se sua relação está assim, vai de mal a pior e sabe o porquê, porque está errado querer o que somente você pode se dar.

No geral as uniões buscam uma certa segurança, seja essa união material ou emocional, ou as duas, saibamos que não é o outro que vai suprir nossas carências.  Quando deixamos de fazer para nós mesmos o que deveríamos, como nos cuidar, nos dar apoio, nos dar ânimo, nos incentivar e principalmente ver o que há de melhor em nós, então tendemos a buscar alguém que o faça. Mas se esta é uma função que devemos fazer, então outros não poderão faze-las em nosso lugar, pois  estaríamos entrando em estado de aprendizado incompleto, o que não deixaria de criar outra carência. Porém a carência de si mesmo é a mais difícil de ser detectada pois culturalmente temos o conceito de esperar do outro um comportamento pré definido como o padrão. Sendo assim transferimos inconscientemente o que deveríamos fazer a nós mesmos para este comportamento esperado do outro.

Vida que segue assim, nas expectativas e no aguardo, por um certo tempo, quanto tempo ?, você deve estar se perguntando, bem, isso vai depender de vários aspectos, como paciência, resiliência, capacidade de reação, força de vontade e observação de cada pessoa.

Então surge aquele momento que você percebe que não aguenta mais. Isso é bem diferente para homens e mulheres, que fique claro tá, são razões biológicas, que deixariam o texto muito extenso, para explicar.  Aquele momento que um nota uma mudança no outro e aí vem  dois tipos de resposta: ou a pessoa faz de tudo para tentar voltar ao que era antes, ou se conforma e desiste! Aqui cabe uma generalização, isso normalmente é sentido antes pelas mulheres, pois independente das particularidades de cada caso, quando a mulher fala em separação, ela já cansou de cobrar a volta do antigo relacionamento. Ela sonha com amor e quer sentir isso que no inicio é evidente mas que com o tempo se apagou. Ela já tentou conversar, brigar, gritar, até surtar mas nenhuma mudança dura ou realmente volta ao que era. Ela se magoa, se diminui, se humilha até que desiste. O sentir para o homem tem outra conotação. Claro que sente e é importante mas no casamento o que quer mesmo é um lar, e se o sentir não estiver nesse lar, ainda assim ele geralmente escolhe permanecer com o lar. Mas quando é o homem que pede a separação, geralmente é porque o sentir fora levou a associação de lar em outro local ou de outra forma. Ele quer seu porto e se o amor ali esfria, ele ainda tenta manter o porto pois isto é o que ele busca da relação. Mas antes ele já demonstrou sinais de insatisfação, de descontentamento com a situação, já tentou apimentar a relação e foi taxado de pervertido, de que só pensa em sexo ou de insensível em querer sexo quando ela está tão cansada. Ela se sente desvalorizada por se doar de alguma forma e ainda assim ele estar insatisfeito. Tenta mostrar a ele o que ela passa e com isso ele, por outro lado, se sente mais cobrado do já se sente normalmente. Tenta mostrar a ela o quanto ele se esforça por causa dela e se sente desvalorizado porque ainda assim ela acha que não está bom…

Tenso hein, difícil, e por fim entra aquela velha máxima, nosso relacionamento não deu certo. E aí que eu quero chegar, como assim não deu certo, e os filhos, e a vida, e casa, sei lá mais o que …. enfim, o tempo que estiveram juntos, deu certo sim, até agora, observando os aprendizados nos relacionamentos, como as pessoas aparecem nas nossas vidas e o que movimentam enquanto existe a convivência, pude notar que o conceito de “dar certo” é na maioria das vezes, mal utilizado. Para quem está de fora e principalmente na posição de terapeuta, é nítido que cada relacionamento vem com um aprendizado específico. Este aprendizado se não é assimilado, pode sim se repetir em novos relacionamentos semelhantes, com a mesma energia, comportamento e mesmas situações. Não é incomum vermos pessoas repetirem um padrão de relacionamento mesmo que este lhe faça mal e que a pessoa se queixe sempre, ainda acaba por conhecer outra pessoa muito parecida em personalidade, não é mesmo? Isso só reforça a teoria de que precisamos aprender algo com nossas convivências, pois também por várias vezes, vemos que quando essa mesma pessoa muda o padrão de pensamento, então passa a se relacionar com outro tipo de parceiro. Então a melhor maneira de sentir que deu certo, e até de prevenir contra conflitos e dissabores que provocam o término e a necessidade de outras experiências iguais, é seguir buscando compreender esse fluxo natural que nos impulsiona sempre na direção de nosso progresso e evolução.

Agradeça pelo tempo que estiveram juntos, agradeça as lições que foram aprendidas, agradeça as alegrias que foram vividas, veja quais são os padrões que você precisa mudar em si mesmo e seja feliz.

Vida que segue, sempre no fluxo da nossa Paz Interior, que essa sim , não tem preço.

Apometria

A MEDICINA DA ALMA.


Bem, lá se vão décadas que já venho atuando, praticando e atendendo pessoas através da técnica terapêutica de Apometria com sucesso.
Nesse período diante de tantas dificuldades que encontrei nas pessoas me fizeram pesquisar no sentido de melhorar ou aprimorar aquilo que já era bom.
A espiritualidade me concedeu a “honra” de ser agraciado com um novo aprendizado que tenho chamado de TERAPIA QUANTIONICA para não mesclar ou gerar interpretações dúbias sobre a magnitude do trabalho de apometria.
Mas, entendo que tudo que está se manifestando neste Planeta tem a necessita de evoluir porque este é o propósito das encarnações nesta densidade energética.
A evolução tecnológica tem comprovado esse fato. Basta observar o campo da internet, computação, telefonia, etc.
E me pergunto: Por que a espiritualidade não evolui? Por que as religiões continuam a praticar os mesmos rituais de milênios?
Será que as coisas de Deus não evoluem?
Tenho dito a décadas que o planeta necessita passar pela quebra de paradigmas que já estão acontecendo…
O dinheiro ao invés de ter um controle humano já está se libertando através do “bitcoin” uma moeda universal que mostra a mudança de paradigma acontecendo.
As religiões entrando na fase do caos com a manifestação de ataques suicidas ou guerrilhas disputando para ver qual Deus é mais poderoso.
A política? … Nem se discute.
O consumismo chegando ao auge manifestado pela frenética sexta feira negra…
Considero a apometria um evento no processo evolutivo da humanidade tão importante quanto a vinda do avatar Cristo e a manifestação dos espíritos através de Kardec.
Cristo disse o que deveria ser feito: “Faça ao próximo o que deseja que o próximo te faça”.
Kardec explicou como fazer decodificando em perguntas e respostas para ficar bem claro.
Não se conseguiu entender porque tudo se tornou religião… que infelizmente controla!
A apometria mostra como praticar o que disse Cristo e Kardec interpretou…
Ajudar o próximo no seu processo evolutivo pelo ajuste do espirito no corpo físico.
Observe que o Dr. Lacerda não se tornou o “dono” da apometria, ao contrário, permitiu sua propagação aleatória por quem se julgasse no dever e compromisso de fazê-lo, sem seguir regras ou rituais. Por esta razão existem grupos de apometria que praticam do seu jeito no seu entendimento, mas, todos seguem o princípio que são as leis definidas pelo seu criador. Muito raro encontrar um grupo de apometria que não seja eficiente nos atendimentos, isto porque, só quem está pronto, tem afinidade busca esse tratamento.
Afinidade é um ajuste de frequência harmônica que atrai os que se sentem vibrando no mesmo padrão vibratório.
Assim, é possível à distância se manifestar e fazer acontecer no campo energético sem a presença do corpo físico, isto porque, a mudança que cura é feita na alma para harmonizar o campo físico.
Por esta razão desenvolvi o trabalho de atendimento terapêutico à distância que denominei Terapia Quantionica que funciona com a mesma eficiência do atendimento presencial.
O mais importante é saber que não é um atributo exclusivo meu e não é necessário nenhum dom divino para tanto, Qualquer um pode aprender se estiver na sintonia e desejar como propósito de vida ajudar no processo evolutivo da humanidade…
Você está aqui no Planeta com esse propósito? Venha conhecer o trabalho…

O Texto acima, na íntegra é da autoria de Darcio Cavallini, do Instituto Biosegredo.

Eu sou Psicanalista formada pelo Instituto Biosegredo  e  recomendo os tratamentos e os cursos desta Instituição.  Nos meus atendimentos também faço uso da Apometria.

Obsessão no CID 10 – F 44.3 (Código Internacional de Doenças)

A Obsessão Espiritual como doença da Alma, já é reconhecida pela Medicina, a Organização Mundial da Saúde (OMS) incluiu o bem-estar espiritual como uma das definições de saúde, ao lado do aspecto físico, mental e social, (desde 1998) Passou a definir saúde como o estado de completo bem-estar do ser humano integral: biológico, psicológico e espiritual. Desta forma, a Obsessão espiritual oficialmente passou a ser conhecida na Medicina como possessão e estado de transe, que é um item do CID – O Código Internacional de Doenças- que permite o diagnóstico da interferência espiritual obsessora.

O CID 10, item F.44.3 – define estado de transe e possessão como a perda transitória da identidade com manutenção de consciência do meio-ambiente, fazendo a distinção entre os normais, ou seja, os que acontecem por incorporação ou atuação dos espíritos, dos que são patológicos, provocados por doença. Os casos, por exemplo, em que a pessoa entra em transe durante os cultos religiosos e sessões mediúnicas não são considerados doença. Neste aspecto, a alucinação é um sintoma que pode surgir tanto nos transtornos mentais psiquiátricos, nesse caso, seria uma doença, um transtorno dissociativo psicótico ou o que popularmente se chama de loucura, bem como na interferência de um ser desencarnado das trevas, a Obsessão espiritual.

Fonte ( Dr. SERGIO FELIPE DE OLIVEIRA, pesquisador e médico que coordena a cadeira de Medicina e Espiritualidade na USP). 

Arquétipos

Conceito de Arquétipo:  na Psicologia Analítica, significa a forma imaterial à qual os fenômenos psíquicos tendem a se moldar. C.G.Jung usou o termo para se referir a estruturas inatas que servem de matriz para a expressão e desenvolvimento da psique.

Certo, agora vamos para uma explicação mais acessível.

O termo “arquétipo” tem suas origens na Grécia antiga, as palavras raiz são archein que significa “original ou velho” e typos que significa “padrão, modelo ou tipo”, o significado combinado é “padrão original” do qual todas as outras pessoas similares, objetos ou conceitos são derivados, copiados, modelados, ou emulados.

Todo Arquétipo é um Símbolo, e esses símbolos emitem uma onda de informação, geradora de neurotransmissores, independente se há crença ou não das pessoas que estão sendo influenciadas. Independente de onde fomos criados, do país que vivemos e das nossas religiões e crenças, esses símbolos são muito parecidos para todos.

É por isso que os arquétipos estão presentes nos mitos, lendas e contos de fadas. São eles que dão o verdadeiro significado para as estórias que passamos de geração em geração. Afinal de contas, as pessoas criam estas estórias para externar o que existe no inconsciente. Hoje os arquétipos podem ser encontrados nos filmes, na publicidade e em quase tudo que está ao nosso redor.

Os arquétipos nos ajudam a satisfazer algumas de nossas principais necessidades, como a necessidade de realização, pertença, independência e estabilidade.

Hoje os arquétipos são bastante usados na publicidade e propaganda, além dos símbolos temos também uma combinação de cores que são o verdadeiro sucesso, pensem por exemplo na mistura do  amarelo, vermelho e azul e vai lembrar de imagens como : Mc Donalds, Banco do Brasil, Itaú  ( pensou ? )

Existem 12 principais arquétipos:

Herói

Bobo da Corte

Criador

Inocente

Fora-da-lei

Cara Comum

Prestativo

Explorador

Mago

Amante

Governante

Sábio

Através do Tarô mitológico, podemos identificar em qual arquétipo está nossa vibração.  ( Livro: Jung e o tarô uma jornada arquetipica ).

Podemos usar a Energia dos Arquétipos para realização de Vendas, para Harmonizar a nossa casa, nossos relacionamentos com as pessoas e muito mais.

Veja mais post relacionados em: https://www.instagram.com/universo__terapeutico/

 

Fonte:

 

Os  Arquétipos e o Inconsciente Coletivo de Carl G. Jung

Tipos Psicológicos de Carl G. Jung

Mitos E Arquetipos Na Arteterapia de  Ligia Diniz

O homem e seus símbolos de Carl G. Jung

Site: Helio Couto

 

Energia número 01

Simbologia:

Número 1 Individualidade e pioneirismo
Símbolo: o ponto
Planeta: Sol
Cores: amarelo, laranja e dourado.
Elemento: fogo
Metal: ouro.
Pedras: rubi, topázio e diamante.
Perfume/aroma: morango.
Profissões: inventor, aviador, engenheiro, professor, diretor de empresas, ou alguma atividade no campo da eletricidade e do automobilismo.

Este é o primeiro dos números, é o início, o único, o absoluto. Está ligado à energia criativa, originalidade,à individualidade, ao poder, à masculinidade e à objetividade. Representa o ímpeto que leva à realização. Eu Sou! Eu faço! É a unidade, Deus; e também o Eu, a personalidade individual do ser humano

 

Significa liderança, força e ambição. Também é o número que traz coragem, independência, atividades mentais e físicas, individualidade e realizações. O número 1 é visto como o número para principiantes.

 

As pessoas de personalidade 1 são líderes natos em tudo. Muito autoconfiante, tem êxito em tudo que faz. Este número caracteriza pessoas ambiciosas, inovadoras, pioneiras, aventureiras, individualistas, independentes, corajosas, determinadas, líderes, meigas e atenciosas mas com dificuldade em demonstrar os seus sentimentos. Inteligente, pioneira, honesta, adora desafios, novidades e vai querer ser sempre a primeira em tudo. Independente, ágil, desenvolve-se rapidamente. Gosta de preservar a intimidade e estará sempre mudando alguma coisinha de lugar no seu espaço. É líder de grupo. Mas também é um pouco egoísta e preguiçoso. Para manter um bom relacionamento com alguém desse número, não tente impor suas idéias, mas procure sempre argumentar.

 

Dica: Incentive seu espírito de liderança e o gosto pelo esporte. Valorize cada vitória.

 

Características positivas: individualidade, espírito de liderança, criatividade, atividade, ambição, audácia, ousadia, autoconfiança, positividade, pioneirismo, persistência, coragem, obstinação, iniciativa e independência.

 

Características negativas: egocentrismo, autoritarismo, repressão, fracasso. O lado negativo, pode levar a prepotência, preguiça, solidão, egocentrismo, individualismo,agressividade, inflexibilidade, orgulho e autoritarismo.

 

Missão a cumprir: Evitar ser egoísta e autoritário.

 

Fonte ; planetaesoterico.com.br

Energia numero 02

Simbologia:

Número 2 Cooperação e Sensibilidade
Símbolo: yin e yang.
Planeta: Lua
Cores: branco, prateado e verde-claro.
Elemento: água.
Metal: prata.
Pedras: pérola, jade e selenita.
Perfume/aroma: laranja.
Profissões: estatístico, contador, escriturário, bibliotecário, político, diplomata, músico ou pintor.

Este número representa a dualidade, a polaridade, a necessidade de ser complementado, o convívio em harmonia com os demais. Principio passivo, feminino, negativo. É o complemento do 1, da mesma maneira que a mulher complementa o homem. Representa a mãe, a que gera. É o número da sensitividade, grande intuição e traz equilíbrio em situações. É a associação, a cooperação, a amabilidade. É moldável, adaptável, conciliador, pacificador. Mediador, o equilíbrio entre forças opostas.

 

Este número caracteriza pessoas equilibradas, receptivas, amáveis, sensíveis, sinceras, diplomáticas, cooperativas e românticas. Emotiva, sabe como cativar as pessoas. Solidária por natureza, estará sempre pronta a ajudar os amigos, mesmo que, às vezes, use esse seu lado como forma de chamar a atenção. Também é do tipo que precisa estar sempre com alguém, não importa se é amigo, pais ou familiares. É sociável, gentil e considera muito as pessoas. Paciente, busca sempre a união É facilmente adaptável, mas pode tornar-se indeciso. É muito atenta e compenetrada. Por ser muito diplomática e ter grande facilidade de adaptação, convive muito bem em todos os ambientes que frequenta. Costuma aceitar os próprios erros e não tem vergonha de pedir desculpas. Gosta de manter seu espaço sempre bem arrumado. O medo da doença faz com que busque sempre uma alimentação mais saudável.

 

São ótimos parceiros no amor. Muito amorosa e compreensiva, a pessoa de personalidade 2 adora dar atenção aos outros, principalmente para a pessoa amada. É muito recatada no amor e sempre o compara ao sexo. Em compensação é muito tímido e tem medo de aceitar novas oportunidades. Devido à sua timidez, sente dificuldade em se relacionar com estranhos, à primeira vista, mas, quando se solta, é muito amável.

 

Significa liderança, força e ambição. Também é o número que traz coragem, independência, atividades mentais e físicas, individualidade e realizações. O número 1 é visto como o número para principiantes.

 

As pessoas de personalidade 1 são líderes natos em tudo. Muito autoconfiante, tem êxito em tudo que faz. Este número caracteriza pessoas ambiciosas, inovadoras, pioneiras, aventureiras, individualistas, independentes, corajosas, determinadas, líderes, meigas e atenciosas mas com dificuldade em demonstrar os seus sentimentos. Inteligente, pioneira, honesta, adora desafios, novidades e vai querer ser sempre a primeira em tudo. Independente, ágil, desenvolve-se rapidamente. Gosta de preservar a intimidade e estará sempre mudando alguma coisinha de lugar no seu espaço. É líder de grupo. Mas também é um pouco egoísta e preguiçoso. Para manter um bom relacionamento com alguém desse número, não tente impor suas idéias, mas procure sempre argumentar.

 

Dica: Não tente esconder suas emoções. E cuidado com ao falar com ele, para não magoá-lo.

 

Características positivas: espírito de colaboração, modéstia, paciência, solidariedade, receptividade, atenção, diplomacia, emoção, amabilidade, tato, companheirismo.

 

Características negativas: timidez, medo, indecisão, dualidade, dúvida, dependência, submissão, passividade, insegurança.

 

Missão a cumprir: Evitar a dependência excessiva, desenvolver o espírito cooperativo.

 

Fonte : planetaesoterico.com.br

Energia número 03

Simbologia:

Número 3 Agradável e Talentoso
Símbolo: o triângulo.
Planeta: Júpiter
Cores: púrpura, lilás, violeta e azul-celeste.
Elemento: ar.
Metal: estanho.
Pedras: turquesa e topázio.
Perfume/aroma: pêssego.
Profissões: orador, escritor, ator, pintor, músico, humorista, produtor cultural, cabeleireiro ou vendedor.

Este número associa-se com a comunicação, a expressão, a expansão, a criatividade e a sociabilidade. Representa o relacionamento com o mundo exterior. Após a individualidade, a união com o dois, surge a interação com a sociedade. O que comunica. O 3 é a expressão, a comunicação, a criação. É o produto da união de 1 e 2. É a frutificação, a trindade, a multiplicidade. Representa a interação social. Na espiritualidade, o número três é visto como o poder da unidade entre a mente, corpo e espírito.

 

Este número caracteriza pessoas comunicativas, expressivas, simpáticas, interativas, otimistas, inteligentes, criativas e bem-humoradas. O número três é adaptável, alegre, sociável, ótimos comunicadores(as), gostam de manter a harmonia e o equilíbrio em suas vidas. Contudo, também são exageradas e têm dificuldade em terminar os projetos em que se envolvem. Extrovertido dono de grande magnetismo pessoal, promove o desenvolvimento de todos ao seu redor, irradiando alegria, entusiasmo. Sua criatividade ilimitada faz com que tudo pareça possível.  Constitui a expressão do sucesso, da sorte, da fertilidade e da beleza. É feliz, criativo, intelectual e otimista. Também é refinado e gosta de coisas caras. Mesmo que em alguns momentos pareça dispersivo, na verdade é muito observador e registra tudo o que se passa à sua volta. Tem o dom da criatividade e usa desenho, teatro e pintura como formas de expressão. Inimigo da rotina, está sempre buscando o novo. Aprende com facilidade. Vive cercado de amigos. Gosta de ambientes alegre e aconchegante. Quando doente, precisa de muita atenção. No trabalho, o sucesso virá através de oportunidades inesperadas que exigem pensamento rápido para achar soluções inéditas e criativas. Conquista a todos com seu encanto natural e não precisa se esforçar para chamar a atenção. Muito romântica e sedutora, alegre, extrovertida e sociável, a pessoa de personalidade 3 transmite muita confiança no amor e na vida. Mostra-se tímido ainda mas, aos poucos, desenvolve uma grande autoconfiança.

 

Significa liderança, força e ambição. Também é o número que traz coragem, independência, atividades mentais e físicas, individualidade e realizações. O número 1 é visto como o número para principiantes.

 

As pessoas de personalidade 1 são líderes natos em tudo. Muito autoconfiante, tem êxito em tudo que faz. Este número caracteriza pessoas ambiciosas, inovadoras, pioneiras, aventureiras, individualistas, independentes, corajosas, determinadas, líderes, meigas e atenciosas mas com dificuldade em demonstrar os seus sentimentos. Inteligente, pioneira, honesta, adora desafios, novidades e vai querer ser sempre a primeira em tudo. Independente, ágil, desenvolve-se rapidamente. Gosta de preservar a intimidade e estará sempre mudando alguma coisinha de lugar no seu espaço. É líder de grupo. Mas também é um pouco egoísta e preguiçoso. Para manter um bom relacionamento com alguém desse número, não tente impor suas idéias, mas procure sempre argumentar.

 

Dica:É muito talentoso, mas não gosta que você o exiba para os outros. Cuidado, também, com as críticas, para não inibir a criatividade do artista.

 

Características positivas: otimismo, bom gosto, talento, comunicação, sociabilidade, cordialidade, entusiasmo e criatividade.

 

Características negativas: exibicionismo, superficialidade, espírito fofoqueiro, mentiras, conflitos, solidão, ostentação, exagero, dispersão, pessimismo e imaturidade.

 

Missão a cumprir: Abrir-se para o mundo, ser criativo, procurar expressar-se.

 

Fonte: planetaesoterico.com.br

Energia número 04

Simbologia:

Número 4 Organização e prática
Símbolo: o quadrado.
Planeta: Saturno e Urano
Cores: amarelo, laranja e vermelho.
Elemento: terra
Metal: ouro.
Pedras: safira e topázio.
Perfume/aroma: maçã verde.
Profissões: empreiteiro, fazendeiro, mecânico, projetista, contador, político, operário de fábrica ou da construção civil.

O que realiza. Palavra chave: ação, estabilidade, firmeza, segurança e conservadorismo. O quatro é o símbolo da lei da ordem. Manifestação do lado racional, é representado pelo quadrado. É o número da terra e representa estabilidade e fidelidade. Simboliza as quatro estações do ano, os elementos e as pontas dos compassos. Este número relaciona-se com trabalho organizado e dirigido para massas, a preocupação com detalhes, a energia para construir e concretizar. Se por um lado é a limitação e a dureza, por outro simboliza a segurança, a estabilidade, os esforços premiados. Está relacionado com o mundo material, com o senso prático, a autodisciplina. Para construir é preciso valer-se de sua força e poder. Desenvolve o senso prático, a autodisciplina. A defesa das tradições, e um certo conformismo.

 

Este número caracteriza pessoas fortes, com boa capacidade de argumentação, práticas, leais, justiceiras, minuciosas e organizadas. Contudo, também são excessivamente sérias, pouco imaginativas e conflituosas. Também são honestas, capazes e perseverantes. A pessoa de personalidade 4 é altamente metódica e objetiva. Não gosta de rodeios preferindo ir direto ao assunto. Desde pequeno vai mostrar-se disciplinada e muito sistemática. Não terá dificuldades em se adaptar à rotina. É paciente e responsável. Gosta de ordem e regularidade. Mas é autoritária e tem tendência a criticar demais as coisa, querendo que tudo seja a sua maneira. Evite prometer o que você não puder cumprir: ela vai cobrar a promessa durante o resto da vida. Tem uma incrível habilidade manual. É uma especialista em montar e desmontar quinquilharias. E depois, fica esperando os elogios por suas criações. É extremamente organizada. Muito exigente com os colegas de trabalho e amigos, deseja deles a mesma perfeição que busca para si.

 

Perfeccionista ao extremo, inclusive no amor, não gosta muito de inovar e prefere as ‘fórmulas’ mais tradicionais.

 

Dica:Sempre que puder, convide seu filho para ajudar nas tarefas da casa. E não tente vencê-lo pela imposição: diante do conflito, converse.

 

Características positivas: praticidade, espírito construtor, lealdade, organização, disciplina, ordem,franqueza, estabilidade, cautela, trabalho, resistência, confiança, honestidade, amor a tradição.

 

Características negativas: rigidez, conformismo, avareza, apego ao passado, crítica excessiva, insegurança, inflexibilidade.

 

Missão a cumprir: Não se deixar oprimir pelo trabalho e pelas responsabilidades

 

Fonte : planetaesoterico.com.br

Energia número 05

Simbologia:

Número 5 Responsabilidade e Versatilidade
Símbolo: a cruz.
Planeta: Mercúrio
Cores: azul-claro e cinza-claro.
Elemento: ar
Metal: mercúrio (não deve entrar em contato com a pele).
Pedras: diamante e safira amarela.
Perfume/aroma: camomila.
Profissões: psicólogo, pesquisador, vendedor, agente de viagens ou de seguros, guia turístico ou corretor de bônus e ações.

O que é livre. Palavra chave: Liberdade, evolução, curiosidade, aventura. É o número dos sensações e dos sentidos. Representa a liberdade e o espírito de aventura. Este é o número das probabilidades de mudança, da versatilidade e das viagens. O cinco representa a versatilidade através da busca de liberdade para se lançar em direção a novas oportunidades. Introduz a idéia de movimento, de velocidade e de tempo que acaba com a estabilidade, a determinação e a ordem limitada do 4. Simboliza a revolução sem a qual a transformação e a evolução não seriam possíveis. É o número da transformação. O 5 é o transgressor.

 

Este número caracteriza pessoas versáteis, ativas, aventureiras, exploradoras, de pensamento rápido e inteligentes. Provocam mudanças por onde passam e também aceitam com a mesma facilidade que as promovem. Um aventureiro nato, a pessoa de personalidade 5 adora liberdade e os espaços abertos, para que possa gastar toda a energia que tem. Muito agitado em todos os campos da vida, geralmente são irrequietos, super-ativos e curiosos. Impulsivos, rápidos e inquietos. Não que não goste de carinho e aconchego, mas apenas porque não vive sem movimento. Imaginação fértil, curiosidade insaciável. Versátil, fazem várias coisas ao mesmo tempo. Haja fôlego para acompanhá-los. Gostam de dar conselhos e não negam ajuda a quem seja necessário. Além disso são pacíficos, harmoniosos e confiáveis. São animadores de festas, otimistas e adoram viagens. Acumulam experiências e possuem conhecimentos sobre uma boa gama de assuntos, mas não se especializam em nada. Em compensação são orgulhosos, inquietos, descontentes, insatisfeitos e precipitados.

 

Com um magnetismo pessoal, atraem pessoas do sexo oposto.Também possuem forte atração sexual o que condiz com sua sexualidade agressiva e cheia de energia.

 

Dica:Estimule seu lado curioso, seu espírito aventureiro. E não o force a cumprir tarefas muito rotineiras. Ele detesta.

 

Características positivas: entusiasmo espírito empreendedor e aventureiro, versatilidade, liberdade, sensualidade, aberto às mudanças, curiosidade, flexibilidade, inteligência.

 

Características negativas: irresponsabilidade, inquietação, infidelidade, falta de objetivos, ímpeto que não leva a nada, ansiedade, indisciplina, instabilidade, impulsividade.

 

Missão a cumprir: não fazer uso inadequado de sua liberdade pessoal; aceitar mudanças.

 

Fonte : planetaesoterico.com.br

Energia número 06

Simbologia:

Número 6 Liberdade e Sensibilidade.
Símbolo: dois triângulos opostos.
Planeta: Vênus
Cor: todas as nuances de azul.
Elemento: ar.
Metal: cobre.
Pedras: esmeralda,safira e turquesa.
Perfume/aroma: canela.
Profissões: médico, enfermeiro, músico, funcionário público, dona-de-casa, decorador de interiores, cozinheiro ou professor.

O que concilia. Harmonia, equilíbrio, verdade e justiça. O seis sintetiza as responsabilidades sociais e familiares.. O seis emana vibrações artísticas e domésticas. Representa a busca de um lar, uma família e uma entrega a sua comunidade. Este número representa a responsabilidade para com os demais, a sociedade e a família.

 

Este número caracteriza pessoas responsáveis, simpáticas, amáveis, artistas, criativas, equilibradas, humanitárias, compreensivas, honestas e fiéis. São pessoas intelectuais, imaginativas e sempre estão procurando ser perfeccionistas. São atenciosos com a família, nas relações amorosas e adoram ter responsabilidade. Deseja casar-se, ter um companheiro, uma família. Emanam vibrações artísticas e domésticas. Buscam um lar feliz e o sentir-se útil a uma comunidade. A pessoa de personalidade 6 é passional e humanista. Com uma grande necessidade de ajudar os outros, ela pode até se sacrificar pelos que ama. Carinhosa, compreensiva, meiga, responsável. Meiga, querida por todos e muito apegada à família. Adora a companhia dos pais, dos avós, ter amigos e receber visitas.

 

Desde pequena, já se mostra uma excelente anfitriã. E para isso, faz questão de uma casa bonita e confortável. Solidária, empresta ou dá, com prazer. Sensível, em um ambiente mais tenso, pode se deprimir e chorar. Normalmente tolerante, torna-se muito teimosa quando contrariada. Movida a elogios, precisa do seu apoio e incentivo. É ativa, inquieta, pensa rápido e gosta de variedade. Não gosta de rotina, prefere tudo o que é novo. Assume mil responsabilidades ao mesmo tempo. E apesar de sobrecarregada, saberá dar conta de tudo. Sem reclamar ou pedir ajuda

 

Sexualmente aparentemente é passiva mas procura agradar sempre o parceiro. Pode se tornar dominadora e possessiva se sentir-se insegura em relação aos seus sentimentos.

 

Dica:Valorize sua capacidade de ser solidário, de partilhar, mas não deixe de lhe apontar os limites.

 

Características positivas: espírito conciliador, generosidade, estabilidade, idealismo, preocupação com o lar, a comunidade, companheirismo,equilíbrio, justiça.

 

Características negativas: acomodação, espírito de mártir, complicações no casamento, cobranças excessivas, ciúmes, ressentimento, dificuldade em aceitar a realidade.

 

Missão a cumprir: aprender a aceitar as coisas como são. Cuidar da relação sem ciúmes, buscar o equilíbrio antes da perfeição.

Fonte : planetaesoterico.com.br

Energia número 07

Simbologia:

Número 7 Conquista.
Símbolo: estrela.
Planeta: Netuno
Cor: púrpura e violeta.
Elemento: água.
Metal: prata.
Pedras: ametista e rutilo violeta.
Perfume/aroma: uva.
Profissões: cientista, professor, escritor, horticultor, inventor, advogado, ator, psicanalista, líder religioso ou atividades ligadas ao ocultismo.

O número sete é visto como um número de grande espiritualidade. Representa os sete dias da semana e as sete cores do arco-íris. O 7 é o número da perfeição, integra os dois mundos e é considerado símbolo da totalidade do Universo em transformação. Este número está associado a espiritualidade, a pesquisa, a introspecção, ao ocultismo. O que pensa. Palavra chave: análise, investigação, lógica e misticismo, reflexão. O sete relaciona-se com a sabedoria, reflexão, busca de outras respostas além daquelas oferecidas, meditação, descanso, paz interior.

 

Este número caracteriza pessoas espirituais, intelectuais, idealistas, estudiosas, contínua busca pelo conhecimento científico, inteligentes e criativas. Contudo, também são muito reservadas, sarcásticas, inflexíveis, caladas e irritadiças. São sábios, pensam profundamente nas coisas e se interessam muito por assuntos místicos. Aparentemente fria e calculista a pessoa de personalidade 7 é na verdade super exigente com ela mesma e com o próximo. Procura sempre executar suas tarefas de forma impecável. Tem natureza intelectual, facilidade para aprender, gosto pelo estudo. Pensadora, observadora, sempre atenta a tudo o que acontece.

 

Tem uma vida interior muito rica, preza o silêncio e a quietude. Trabalha mais para o bem dos outros que para o própio. É uma pessoa grandiosa, que é atraída por grandes negócios. Mas é um pouco avarenta e extravagante. Pode ficar um bom tempo sozinha,concentrada. Gosta de um ambiente arrumado, fugindo do barulho e da agitação. Ama a natureza e os animais. Normalmente obediente e educada, tem incrível sensibilidade para distinguir o certo do errado, e se ressente demais com as injustiças. É uma perfeccionista, defensora do respeito e da privacidade

 

Geralmente solitária, ela se isola e precisa de muito tempo para realmente se entregar a qualquer tipo de relacionamento pois prefere este isolamento.

 

Dica:Não estimule, mas respeite sua necessidade de ficar só. E não tente desvendar seus segredos.

 

Características positivas: sabedoria, tranquilidade, introspecção, intuição, poder de análise, meticulosidade, lógica, profundidade, perfeccionismo, autocontrole e investigação .

 

Características negativas: desligamento, melancolia, solidão, perda do sentido da vida, falta de objetivos, auto-crítica, excesso de exigência, reclusão

 

Missão a cumprir:refletir, buscando o saber dentro de si.

 

Fonte : planetaesoterico.com.br